Carregando conteúdos...
...Por favor aguarde!
English
Notí­ciasAgendaOutros SitesPesquisaContactosLivro de Visitas
 
toplogo
   
Fichas Técnicas
  Aphyosemion celiae celiae Scheel, 1971
Primeira descrição Scheel, J.J. 1971. Aphyosemion franzwerneri and Aphyosemion celiae, two new rivulins from Cameroon. Tropical Fish Hobbyist 19 (5): 52-61, fig.
Etimologia celiae = em honra de Celia Epie, filha mais velha de John Epie, gerente da firma Meanje Rubber Estate no Oeste dos Camarões
Localidade tipo Pequeno riacho junto à casa de John Epie em Mambanda, perto de Kumba, Oeste dos Camarões (09º 28' E; 04º 38' N)
Subgénero Mesoaphyosemion Radda 1977
Grupo Aphyosemion calliurum
Dados merísticos D 11, A 15, Sc 30-31 (Schell, 1971)

(D 11-12, A 14-16, Sc 29-32, D/A = 1/7 segundo Radda e Purzl, 1987)

Cromosomas n = 10, A = 20 (Scheel, 1971, 1974)
Escamas frontais Tipo G
Comprimento 5.0 cm (macho); 4.0 cm (fêmea)
Habitat e distribuição Geralmente em zonas pouco profundas de ribeiros, pântanos e charcas na floresta húmida costeira e savana secundária. Restringida à zona média da bacia do rio Mungo. 
Descrição Uma espécie robusta de variabilidade moderada e barbatanas arredondadas.
Manutenção e reprodução É uma espécie que não ofereçe grandes problemas e é adequada a killiófilos iniciados. Recomenda-se a manutenção de um par ou um trio num pequeno aquário escurecido, que também pode servir para reprodução. Depositam os seus ovos a todos os níveis do aquário apesar de terem preferência por zonas junto à superfície. Os ovos desenvolvem-se em 17-22 dias. Poderá obter-se maior sucesso com esta espécie usando turfa fibrosa como meio de postura, permitindo aos peixes desovarem durante duas semanas e removendo posteriormente a turfa. Esta turfa bastante húmida, contendo os ovos, deverá então ser armazenada num recipiente estanque durante 3 a 4 semanas ao fim das quais será recolocada em água do aquário. Dar-se-á então o nascimento dos alevins que têm um crescimento razoavelmente rápido. Atingem a maturidade sexual ao fim de 5 meses.
Temperatura (ºC) 10.11.12.13.14.15.16.17.18.19.20.21.22.23.24.25.26.27.28.29.30.31.32.33.34.35
pH    5.4 - 5.6 - 5.8 - 6.0 - 6.2 - 6.4 - 6.6 - 6.8 - 7.0 - 7.2 - 7.4 - 7.6 - 7.8 - 8.0 -8.2 - 8.4
Observações A diferenciação dos sexos nesta espécie dá-se bastante tarde comparativamente com a maioria das outras espécies de Aphyosemion.

Voltar

Mês AnteriorJunho, 2017Mês Seguinte
D S T Q Q S S
1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30