Carregando conteúdos...
...Por favor aguarde!
English
Notí­ciasAgendaOutros SitesPesquisaContactosLivro de Visitas
 
toplogo
   
Fichas Técnicas
  Aphyosemion abacinum Huber 1976
Primeira descrição Huber, J. H. 1976. Un nouveau Killi du Gabon nord-oriental, Aphyosemion abacinum nov. spec. (Athériniforme, Cyprinodontidé, Rivuliné). Revue Française d'Aquariologie 3 (3): 79-82, fig. 1-4
Etimologia abacinum = mosaico, em referência ao padrão cromático dos machos
Localidade tipo Cerca de 30km a Norte de Mékambo (região de Ivindo, Gabão) (13º 54' E; 01º 01' N)
Subgénero Diapteron Huber e Seegers 1977
Dados merísticos D 9-10, A 10-12, Sc 31-33 (Radda & Purzl, 1987)
Cromosomas
Escamas frontais Tipo G
Comprimento 30-35mm
Habitat e distribuição Zonas pantanosas de riachos com corrente fraca na floresta tropical do Nordeste do Gabão.

Bacias hidrográficas dos rios Djoua e Djadie.

Descrição
Manutenção e reprodução Uma das espécies mais difíceis do género. Deve ser mantido em água pouco mineralizada e ácida. Deposita os seus ovos em mops flutuantes ou no fundo os quais podem ser recolhidos e armazenados em água ou sobre turfa húmida. A eclosão dá-se ao fim de cerca de 20 dias. Os recém-nascidos podem ser logo alimentados com náuplios de artémia. Recomenda-se trocas frequentes de cerca de 90% da água. Os sexos começam a diferenciar-se ao fim de seis meses mas a maturidade sexual só é alcançada cerca dos nove meses. É uma espécie muito pouco produtiva.
Temperatura (ºC) 10.11.12.13.14.15.16.17.18.19.20.21.22.23.24.25.26.27.28.29.30.31.32.33.34.35
pH     5.4 - 5.6 - 5.8 - 6.0 - 6.2 - 6.4 - 6.6 - 6.8 - 7.0 - 7.2 - 7.4 - 7.6 - 7.8 - 8.0 -8.2 - 8.4
Observações

Voltar

Mês AnteriorAgosto, 2017Mês Seguinte
D S T Q Q S S
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31